Co-Marketing

O Co-Marketing é uma palavra nova mas a sua aplicação no mundo dos negócios tem já algum tempo. Os profissionais de marketing devem utilizar as suas competências comerciais e comunicacionais para fazer crescer a rede de contactos de uma empresa. É aqui que entra o Co-Marketing, que mais não é que a colaboração entre empresas da mesma área de negócio, com o objectivo de amplificar o alcance das suas acções, dentro do seu público alvo.

Para dar um exemplo, vamos imaginar uma loja de tintas decorativas e uma empresa de produção de pincéis e rolos de pintura. Estas duas empresas podem-se unir, produzir uma campanha publicitária em conjunto e partilhar com os seus clientes, através dos meios digitais (facebook, youtube, twitter, etc). Com esta iniciativa a marca de pincéis vai chegar junto dos consumidores de tinta e o inverso acontecerá com os consumidores de pincéis e rolos de pintura. Assim, com metade do investimento, ambas as marcas poderão atingir o dobro da audiência. The mechanism

O Co-Marketing tornou-se mais fácil de colocar em prática, após a explosão das ferramentas digitais, artigos de blog, vídeos no youtube, gráficos de informação, ebook’s ou hangouts, são apenas algumas formas de como as empresas podem colaborar e posteriormente partilhar essa informação junto da sua base dados.

Como em tudo, existem alguns riscos associados a este tipo de iniciativa, é importante escolhermos bem os nossos parceiros para que no futuro não se criem problemas para nenhuma das marcas envolvidas. Elaborar o plano de actividades com antecedência, definir o tema e a forma da promoção da campanha e o capital necessário que será investido, devem ficar esclarecidos antes de se iniciar a colaboração.

O Co-Marketing não é tão simples como aqui foi descrito, este artigo serve apenas para dar a conhecer o termo e a sua função.

Filipe Matos Pereira

Leave a Reply 0 comments