Curso universitário: Gosto ou Saída?

A escolha de um curso universitário gera sempre alguma ansiedade, devemos escolher a área de que gostamos ou optar por aquela que tem mais saída?

A resposta mais óbvia é: depende!

Se a nossa preferência recai sobre uma área onde a oferta de trabalho é abundante, estamos no melhor de dois mundos.

Optar pelo curso que tem mais que ver connosco mas onde a saída para o mercado de trabalho é difícil, tem a particularidade de conseguirmos estar motivados durante toda a formação, pois estamos a estudar algo de que gostamos. 

No entanto, devemos estar preparados para encontrar alguns obstáculos à saída da universidade e entrada no mercado de trabalho, como a oferta é escassa apenas os melhores encontrarão oportunidades. 

Para os restantes existem duas opções, podem criar o seu próprio emprego ou utilizar o conhecimento adquirido para se reconverterem enquanto profissionais. 

É cada vez mais comum encontrarmos jornalistas na área do marketing, sociólogos nas tecnológicas e antropólogos nos recursos humanos. 

Para aqueles que escolhem um curso com base na oferta do mercado de trabalho, é importante que em momentos de maior desmotivação não se esqueçam do motivo que os levaram a optar por aquele desafio, a resiliência será um factor determinante para a conquista do objectivo. 

Independentemente da escolha existem características que são determinantes para o sucesso de um profissional: vontade, querer e paciência. 

Leave a Reply 0 comments