Previsão 2015

Agora que estamos no final do ano e começamos a preparar 2015, é comum encontrar listas de tendências para o novo ano. Análise de dados, mobile, comércio electrónico, novas tecnologias, são as áreas mais comuns que fazem parte destas listas, eu queria acrescentar apenas mais uma: o cliente enquanto pessoa.

Sim, o cliente é humano e gosta de ser bem tratado, essa deve ser a premissa principal em qualquer estratégia. Qualquer contacto entre a empresa e o cliente deve ter sempre em conta que do outro lado está uma pessoa com sentimentos e expectativas, independentemente se já lhe conseguimos traçar o perfil de compra, captamos os seus desejos e identificamos a sua necessidade. 

É importante relembrar constantemente aos colaboradores que os negócios se fazem entre pessoas e não entre empresas, a simpatia e a cordialidade ainda são o melhor cartão de visita. Não interessa comunicar de forma eficaz com um cliente, através do seu smartphone, se depois o colaborador que o vai atender pessoalmente, tiver uma atitude antipática e/ou desinteressante.

As novas tecnologias são de extrema importância mas não vão gerar resultados se o contacto pessoal entre cliente e empresa não for correcto e educado.

Filipe Matos Pereira

Leave a Reply 0 comments